O que é hipotensão

Quando a pressão arterial está baixa, os órgãos do corpo funcionam mal, pois não é possível nutri-los de sangue adequadamente ¹,³. E isso pode até causar lesões em vários deles, principalmente o cérebro e o coração ¹. Por isso é importante entender o que é hipotensão e se ela pode representar algum perigo significativo à saúde.

A pressão arterial é a pressão interna das artérias que indica se todos os tecidos corporais estão recebendo uma correta quantidade de sangue e seus nutrientes. Porém, nem todo mundo que possui pressão baixa tem hipotensão.

Isto é: se a pessoa consegue realizar normalmente as suas atividades diárias e não apresenta nenhum sintoma dessa patologia, ela não sofre de hipotensão. É apenas a pressão arterial que é mais baixa do que a média geral ³.

Aproveite este guia completo para tirar todas as suas dúvidas sobre o que é hipotensão, suas causas, seus sintomas, como tratar e o que comer quando a pressão está baixa. Boa leitura!

O que é hipotensão?

Hipotensão, conhecida popularmente como pressão baixa, é quando a pressão arterial está abaixo do nível de 90/60 mmHg (ou 9 por 6). Mas, ela não é obrigatoriamente um problema: a pressão pode ser mais baixa do que a média e não impactar a saúde ³.

Ou seja, o diagnóstico de hipotensão acontece apenas quando a pressão diminui e causa tonturas, desmaios e outros sintomas. O que a pressão baixa pode causar é o choque (falência), que é a insuficiência de sangue nos órgãos ¹.

Vamos explicar melhor: a pressão arterial gera uma força do sangue contra a parede dos vasos sanguíneos. Quando há uma redução no volume de sangue dentro das artérias, o coração “seca” e se torna incapaz de bombear sangue para o cérebro e outros órgãos do corpo, que não recebem oxigênio suficientemente ³.

A hipotensão não é considerada uma doença, ela geralmente é o sintoma de alguma enfermidade ³.

Como o organismo controla a pressão arterial?

As artérias possuem células que funcionam como sensores da pressão arterial, chamadas de barorreceptores. Quando eles percebem que a pressão foi alterada, causam diversas reações no organismo a fim de manter o seu equilíbrio ¹.

  • Os nervos enviam sinais do cérebro para o coração mudar o ritmo cardíaco e, consequentemente, o volume de sangue bombeado ¹.
  • As arteríolas mudam a resistência dos vasos sanguíneos ¹.
  • As veias alteram a capacidade de retenção de sangue no corpo ¹.
  • Os rins também são acionados para modificar a quantidade de líquido eliminada (o que muda o volume de sangue nos vasos) e a quantidade de hormônios produzidos (que enviam sinais para arteríolas agirem) ¹.

O que acontece no organismo em caso de hipotensão?

Os batimentos cardíacos são acelerados para aumentar a quantidade de sangue bombeado para todo o corpo. As veias se contraem com a finalidade de transferir um pouco de sangue de partes menos importantes do organismo para os órgãos mais vitais ¹.

Há também a contração das arteríolas (artérias pequenas) para elevar a resistência do fluxo sanguíneo e a redução da produção de urina pelos rins a fim de reter mais líquido e enviá-lo aos vasos ¹.

Depois, a medula óssea e o baço formam novas células de sangue para restabelecer o volume sanguíneo do corpo ¹.

Porém, em alguns casos, o corpo não consegue controlar a pressão arterial, como durante hemorragias mais intensas. O processo de envelhecimento também causa, naturalmente, uma resposta mais lenta do organismo no controle da pressão arterial ¹.

Tipos de hipotensão

Há vários tipos de hipotensão. Os mais comuns são a hipotensão postural (ou ortostática) e a hipotensão pós-prandial.

A hipotensão postural é quando há uma queda da pressão sanguínea quando a pessoa se levanta rapidamente. Isso ocorre porque ao deitar, o corpo não precisa ir contra a gravidade e levar sangue de volta ao coração e ao cérebro. Mas, ao se levantar de modo brusco, o corpo pode não se adaptar facilmente à necessidade de realizar esse processo ³.

Ela acontece com mais frequência em pessoas da terceira idade, diabéticas, desidratadas ou que usam excessivamente anti-hipertensivos ³.

Já a hipotensão pós-prandial é a baixa excessiva de pressão após se alimentar. Ela afeta cerca de ⅓ das pessoas da terceira idade e que possuem hipertensão ou doenças que impactam o funcionamento do cérebro, como diabetes e Parkinson ⁵.

Leia também: O que causa colesterol alto? Como reduzir os níveis de gordura no sangue?

Quais são os sintomas da hipotensão?

Um dos sintomas de hipertensão mais comuns são tontura, sensação de desmaio e desmaio. Isso acontece quando a pressão é considerada baixa demais e o cérebro é afetado, ocasionando seu mal funcionamento pela dificuldade de vencer a gravidade para receber o fluxo sanguíneo ¹.

A pressão baixa também pode desencadear:

  • angina: falta de ar ou dor no tórax porque ela gera pouco fornecimento de sangue ao músculo do coração ¹;
  • choque: quando a hipotensão é mais severa, há redução significativa do envio de sangue para vários órgãos, o que pode gerar seu choque ¹;
  • fraqueza muscular ³;
  • sonolência excessiva ³;
  • dificuldade de raciocínio e diminuição do nível de consciência ³;
  • suor frio ³;
  • dificuldade em se manter em pé ³;
  • pele fria e úmida ³;
  • perda de sensibilidade e/ou formigamento nas mãos ³;
  • taquicardia: aceleração dos batimentos cardíacos ³;
  • náuseas e vômitos ³;
  • cãibras ³.

Outros sintomas de hipotensão são causados por doenças, como infecções, insuficiência cardíaca ou cirrose hepática. Durante as suas manifestações, o corpo pode apresentar queda de pressão e causar lesão em tecidos e órgãos ¹,³.

Quais são as causas da hipotensão?

Ao explicar o que é hipotensão, esclarecemos que ela não é um doença em si, mas um sintoma manifestado por outras enfermidades ou condições momentâneas, como o ato de levantar rapidamente. Por isso, ela está sempre associada a uma ou mais patologias ¹.

Conheça as principais causas da hipotensão ¹,²:

  • distúrbios cardíacos, como arritmias, infarto do miocárdio, taquicardia;
  • dilatação das arteríolas (artérias pequenas);
  • redução do volume de sangue que pode ser causado por um hemorragia;
  • consumo de determinados medicamentos, como diuréticos e antidepressivos;
  • reações alérgicas;
  • doenças endócrinas;
  • lesões na medula espinhal que afetam os nervos;
  • desidratação;
  • doenças renais;
  • distúrbios neurológicos;
  • falta de alimentação (jejum prolongado);
  • excreção elevada de urina.

Além disso, há duas causas de hipotensão bastante conhecidas pelas pessoas. A primeira é o calor intenso, que geram a dilatação das artérias acima do limite e fazem a circulação do sangue ficar livre, sem resistência ².

Já a segunda é chamada de síndrome vasovagal. Mas o que é hipotensão nessa síndrome? Essa crise abaixa a pressão quando algumas pessoas vão tirar sangue ou ficam muito tempo em pé em lugar fechado ou em multidões. Ocorre um distúrbio no nervo vago, que fica na nuca, e gera inibição da frequência cardíaca e a queda de pressão ².

Como aumentar a pressão baixa?

Assim que há a crise de hipotensão e a manifestações de sintomas, como tonturas e sensação de desmaio, é necessário seguir alguns procedimentos para aumentar a pressão baixa.

O primeiro deles é deitar a pessoa e colocar as pernas acima do nível da cabeça para permitir um melhor retorno do sangue para o cérebro e o coração. Ou seja, é preciso usar a gravidade a seu favor para acelerar esse processo do fluxo sanguíneo ².

Depois, a pessoa deve beber pequenos goles de água de forma progressiva para elevar o volume de líquidos (e do sangue) no corpo ².

Mas, o que tomar para pressão baixa além de água pura? Especialistas indicam beber água de coco ou suco de laranja. Além disso, caso o indivíduo tenha condições de comer, oferecer alimentos como biscoitos salgados para estimular a digestão, ativar a circulação e os batimentos cardíacos e elevar a pressão ².

O sal aumenta a pressão arterial?

Reza a lenda que basta colocar uma pitada de sal embaixo da língua que a pressão sobe rapidamente. Mas, será mesmo verdade? Sentimos muito em informar que isso é apenas uma lenda popular ²!

O sal sob a língua não faz mal. Porém, ele não ajuda ninguém a recuperar a consciência e muito menos a elevar a pressão arterial. Ele está relacionado apenas à hipertensão: consumir sal excessivamente causa aumento da pressão e outras doenças ².

Na verdade, o sal, assim como outros alimentos, precisam de algumas horas - ou até dias - para provocar efeito na pressão arterial ². Por isso, ele é recomendado para tratar a pressão baixa a médio e a longo prazo ⁴.

O mais indicado é ingerir líquidos para amenizar os sintomas de forma mais rápida e eficiente ².

Saiba mais: Alimentos com gordura: por que evitá-los? Quais são eles?

O que comer quando a pressão está baixa?

Existem alimentos para hipotensão que ajudam a melhorar e/ou a manter o nível adequado da pressão arterial ⁴. Entenda quais as mudanças de hábitos alimentares que a pessoa com esse sintoma deve fazer.

O primeiro passo é investir na boa alimentação no café da manhã: escolher itens nutritivos para fornecer ao corpo, que está em jejum por tempo prolongado e que pode desencadear uma baixa na pressão ⁴.

Uma recomendação do que tomar para pressão baixa é ingerir uma bebida que contenha cafeína, principalmente pela manhã ou após longos períodos em jejum. Isso porque a substância contribui para o aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial ⁴.

Outro alimento para hipotensão é o chocolate amargo, pois ele melhora a frequência cardíaca e é ótimo para elevar a pressão arterial ⁴.

Aprenda como controlar a pressão baixa com a alimentação ⁴:

  • beba bastante líquido e manter a hidratação diariamente;
  • insera alimentos com baixo teor de gordura e níveis mais elevados de sal, como peru, queijos curados e alimentos em conserva, como azeitonas;
  • faça infusões de alcaçuz, que ajuda a elevar e a manter a pressão arterial no nível adequado;
  • tempere as carnes e outros alimentos com alecrim, que é ótimo para aumentar a pressão arterial.

Continue aprendendo: 7 alimentos que não inflamam e como eles agem no organismo

Como é o diagnóstico de hipotensão?

O diagnóstico de hipotensão é feito a partir da medição da pressão e de exames para determinar os motivos ¹.

O médico pode usar alguns métodos para medir a pressão arterial, como, por exemplo, aferir a pressão com a pessoa deitada, depois quando ela se levantar e ficar alguns minutos em pé ¹.

Já os exames pedidos para determinar a causa da hipotensão variam de acordo com os sintomas clínicos. Eles podem ser exames de sangue, eletrocardiograma, ecocardiograma ou teste de esforço, endócrino ou de inclinação ortostática ¹.

Como tratar pressão baixa?

Além de descobrir o que é hipotensão, é preciso conhecer como tratar a pressão baixa e evitar possíveis complicações. É importante saber que caso a pressão baixa seja crônica, sem manifestar sintomas, não é preciso se preocupar com tratamento ³.

Porém, caso o corpo tenha apresentado sintomas de hipotensão, o médico pode recomendar:

  • hidratação via intravenosa ¹;
  • uso de meias de compreensão de panturrilha e coxas para estimular o fluxo sanguíneo das pernas para o coração ¹;
  • caso a pressão abaixe devido a um mal-estar repentino ou ao se levantar rapidamente, indica-se manter a pessoa deitada, com rosto virado para o lado e as pernas erguidas acima do nível da cabeça ³;
  • em crise de hipotensão sintomática, pode-se beber refrigerantes. Porém, eles não são indicados para consumo frequente, já que não são saudáveis ⁴

Mesmo com todas essas dicas de como controlar a pressão baixa, é fundamental procurar um médico para realizar exames e determinar o verdadeiro diagnóstico. Apenas dessa forma é possível identificar as causas e definir o tratamento ideal.

Entender o que é hipotensão e seus riscos é primordial para acompanhar as suas condições de saúde e identificar possíveis sintomas. O corpo costuma dar algum aviso de que algo não está bem. E a primeira ação deve ser consultar um especialista que vai avaliar o paciente de forma completa e assertiva.

Quer continuar preservando a sua qualidade de vida? Precisa melhorar os seus hábitos diários? Leia mais posts do nosso blog e saiba o que fazer para manter o seu bem-estar e a sua longevidade:

Conheça a linha de vitaminas Vitasay em www.vitasay.com.br.